Prefeito admite quatro anos de desafios

Rechaçada desde a campanha, a hipótese levantada pelos opositores de que o governo de ACM Neto (DEM) em Salvador poderia ser mais curto, de apenas dois anos, foi descartada mais uma vez durante o primeiro discurso do prefeito da capital baiana. Os “quatro anos” de mandato ganharam destaque na fala do prefeito e, com o espaço de tempo definido, as promessas de que a população deve cobrar resultados ao findar da administração. “Daqui a quatro anos, quero ser cobrado pelos meus compromissos assumidos com a população”, ratificou o democrata.

Segundo ele, é importante que a gestão municipal enxergue a cidade e os problemas dela de maneira eficiente para projetar o “amanhã”. “É preciso planejar a nossa cidade, projetá-la para o século 21. Plantar sementes, hoje, que possam dar frutos no futuro”, frisou o prefeito. Entre as primeiras obrigações, ACM Neto assegurou que as medidas emergenciais devem enfrentar problemas como o caos no trânsito, o lixo nas ruas, as ruas esburacadas e um sistema de saúde pública falho. “Arrumar a casa é o nosso compromisso número um. Mas precisamos ir além disso. Um prefeito não pode se contentar apenas em ser um mero síndico, ser um simples cumpridor de tarefas que vai resolvendo os problemas cotidianos à medida que eles vão surgindo”, reforçou o prefeito.

“Daqui a quatro anos, quero uma cidade que não traga tanto desconforto no trânsito, que tenha um transporte público mais estruturado, com estações mais bem cuidadas, com ônibus novos e mais confortáveis. Quero que a saúde pública de Salvador seja vista com outros olhos por seus usuários. Vamos começar pelo básico, que é fazer com que as unidades de saúde que já existem voltem a funcionar de forma decente. Que tenham médicos, medicamentos e aparelhos funcionando. Queremos uma educação que seja exemplo para outras grandes cidades brasileiras”, enumerou Neto. E, de acordo com ele, o maior desafio, que também foi destacado pelo antecessor, João Henrique, reúne todos esses. “E principalmente quero que, daqui a quatro anos, Salvador seja uma cidade muito mais justa”, defendeu o atual ocupante do Palácio Thomé de Souza.

*Publicada originalmente na Tribuna da Bahia de 02 de janeiro de 2013

Leia também:

ACM Neto é o novo prefeito de Salvador
Corrupção está fora da administração, diz Neto
Administração deve acontecer mais próxima da população

Anúncios
Comments
3 Responses to “Prefeito admite quatro anos de desafios”
Trackbacks
Check out what others are saying...
  1. […] Neto é o novo prefeito de Salvador Prefeito admite quatro anos de desafios Administração deve acontecer mais próxima da […]

  2. […] Neto é o novo prefeito de Salvador Prefeito admite quatro anos de desafios Corrupção está fora da administração, diz […]

  3. […] Prefeito admite quatro anos de desafios Corrupção está fora da administração, diz Neto Administração deve acontecer mais próxima da população […]



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: