Jonas Paulo diz que é legítimo o PCdoB pleitear posição de destaque para 2014

Numa disputa em que pelo menos cinco partidos, PT, PSD, PP, PSB e PDT, já anunciaram batalhar por espaço na chapa majoritária de 2014, a reclamação por espaço feita pelo presidente do PCdoB, Daniel Almeida, não foi considerada surpreendente pelo dirigente do partido do governador Jaques Wagner, Jonas Paulo. O petista naturalizou o pleito dos comunistas e salientou que o projeto de sucessão do Palácio de Ondina passa por avaliação de índices como densidade e expressão eleitoral.

“É legítimo que o PCdoB, um parceiro de primeira hora do PT, lute por espaço. Agora o projeto tem que ser uma construção coletiva. Tem que ver a questão da expressão eleitoral. Dependendo do caso, não vejo problema em o PT apoiar outros partidos”, avaliou Jonas Paulo, ressuscitando o discurso empregado durante a formação das candidaturas em cidades do interior do estado, como o caso de Juazeiro, em que o petista Joseph Bandeira acabou tendo a candidatura retirada por intervenção da direção estadual em detrimento da candidatura do comunista Isaac Carvalho.

De acordo com o dirigente do PT, “quem está melhor posicionado vai liderar a chapa”. A informação tenta justificar, pelas entrelinhas, a posição de protagonista defendida pelos petistas para a eleição de 2014. “Não estamos querendo nada que seja diferente da nossa posição, da nossa densidade e da nossa capilaridade”, salientou. Apesar de simular predisposição ao diálogo, Jonas Paulo foi mais rígido quanto à hipótese de alianças entre os partidos que compõem a base de apoio do governador Wagner. Para ele, só haverá espaço para um palanque nacional na Bahia, equivalente à reeleição da presidente Dilma Rous-seff, o que sinaliza que, caso haja a candidatura contrária de Eduardo Campos, qualquer partido que se alie ao PSB pode ficar fora da chapa majoritária do próximo ano.

Uma eventual aproximação entre PCdoB e PSB foi aventada pelo presidente do PCdoB, Daniel Almeida, que não eliminou negociações com outros partidos da base aliada. Segundo o comunista, não havendo distanciamento do projeto programático da legenda, qualquer aliança será verificada, o que inclui, nesse caso, o PSB. Em entrevista recente à Tribuna, a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) sugeriu conversa com todos os partidos, independente da posição do PT. “Eu tenho conversado com os outros partidos aliados, mas como eu penso que 2013 não é o momento de se fechar todas as alianças, nem de se antecipar o jogo, nós estamos conversando, ouvindo os partidos”, sinalizou.

PDT também cogita nova chapa

Diante da calcificação de candidaturas como a do PT na cabeça de chapa – com apostas altas no nome do secretário da Casa Civil, Rui Costa, para a função – e a do vice-governador Otto Alencar (PSD) ao Senado, conforme sugestão de petistas de grosso calibre, restam apenas a vaga de vice-governador e, com menos ênfase, a presidência da Assembleia para abrigar PCdoB, PP e PDT. Para o presidente regional pedetista, Alexandre Brust, a formação de mais de uma chapa dentro da base do governador Jaques Wagner não é uma hipótese intangível, como sugere Jonas Paulo.

“Numa eleição de dois turnos, nada inviabiliza a chance de mais de uma candidatura da base. É natural os partidos disputarem o poder. Eu acho natural e legítimo que todos os partidos disputaram a majoritária”, avaliou Brust. Segundo ele, o posicionamento de Daniel Almeida, presidente estadual comunista, é completamente esperado para dirigentes de siglas “históricas como o PCdoB”. “Como presidente do PCdoB, ele tem que lutar para conquistar aliados, como todos têm feito”, completou o pedetista.

Segundo ele, o caminho de uma candidatura além da encabeçada pelo PT não é descartada pelo PDT e encontra respaldo em decisão recente da direção nacional da sigla.

*Publicada originalmente na Tribuna da Bahia de 03 de setembro de 2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: