Começa a disputa pela presidência da Companhia de Mobilização de Ativos

Ultrapassados os questionamentos da oposição sobre a criação das duas empresas de capital misto para administrar os ativos da prefeitura de Salvador, a Companhia de Mobilização de Ativos de Salvador (CDEMS) nasce com muitos poderes e já se torna alvo de disputa nos bastidores do Palácio Thomé de Souza. A empresa que deverá ter 49% das ações negociadas na bolsa de valores servirá para capitalizar o município e gerenciar as parcerias público-privadas (PPPs), consideradas a vanguarda da administração pública.

Segundo informações de bastidores, a expectativa é que a CDEMS tenha status de uma supersecretaria, despertando a cobiça de aliados e as especulações acerca de nomes. Por enquanto, figuras próximas ao prefeito ACM Neto (DEM) sugerem que o nome a ser escolhido deve ser da inteira confiança do chefe do Executivo. “O presidente não precisa ser necessariamente experimentado na área administrativa, mas tem que ser muito próximo ao prefeito, da mais absoluta confiança, pois será responsável por dominar entre 60% e 90% dos investimentos previstos pela prefeitura em Salvador”, afirma, em reservado, um interlocutor com bom trânsito junto ao prefeito.

“A companhia terá uma visão geral da prefeitura e comandará o estabelecimento de convênios como as PPPs e com os governos federal e estadual em quaisquer áreas. Na verdade, o presidente da empresa será um superpresidente”, avalia a mesma fonte. Nessa condição, o perfil estritamente político deve ser afastado pelo prefeito na hora de escolher quem deve herdar o comando da empresa. “Quem assumir a presidência deve ter um perfil técnico, é claro, mas também um bom trânsito com investidores privados e com o setor público, para captar convênios para o município”, completa o interlocutor.

Apesar de haver outra empresa de capital misto prevista na reforma tributária, apenas a CDEMS deve se tornar alvo de disputa. “A outra companhia não terá muitos poderes, então o perfil deve ser diferente”, sugere em reservado. Já a CDEMS, no entanto, passa a ser considerada a menina dos olhos da administração municipal. “É lógico que há um interesse muito grande em gerir os recursos que devem circular nessa companhia”, conclui a fonte. Essa, inclusive, é apontada como uma das razões para a tentativa da oposição em barrar a aprovação da criação das empresas, pois tornaria a cidade viável econômico e administrativamente.

Khoury é citado como favorito

Sem função na administração soteropolitana desde a transferência da Companhia de Transportes de Salvador (CTS) para o governo do estado, o nome do ex-deputado Jorge Khoury (DEM) é citado como um dos favoritos para herdar a presidência da Companhia de Mobilização de Ativos de Salvador (CDEMS).

De acordo com informações de bastidores, o alto nível de confiança do prefeito e o trabalho desenvolvido por Khoury na CTS, mesmo que num curto espaço de tempo, o gabaritam para presidir a nova empresa municipal. “Se eu pudesse apostar, o nome seria de Jorge Khoury. E vou lutar para essa indicação”, afirma um interlocutor com fino trato com o prefeito ACM Neto (DEM).

Das fontes consultadas pela reportagem, que preferiram anonimato, todas as características buscadas pelo prefeito seriam encontradas no ex-deputado. Todos, todavia, negam que haja um martelo batido sobre o assunto. Entre as sugestões, começa a circular também o nome do vereador Léo Prates (DEM), um dos responsáveis pela articulação para aprovação da reforma tributária na Câmara de Salvador. A hipótese, no entanto, é considerada remota, por não ser permitido a um edil presidir empresa municipal.

Outro ponto a ser considerado pelo prefeito é a presença de Prates no Legislativo, considerado um braço avançado de ACM Neto na Câmara. Procurado pela reportagem, o vereador não quis comentar a especulação. “Não tenho pretensão de abandonar o meu mandato”.

*Publicada originalmente na Tribuna da Bahia de 08 e 09 de junho de 2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s