LULA: Eduardo Campos não apóia amigo?

No grupo de governadores que esteve com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ontem no Instituto Lula em São Paulo, o pernambucano Eduardo Campos, presidente nacional do PSB, não deu o ar da graça. Organizado pelo governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), o encontro com o ex-presidente foi para apoiá-lo e defendê-lo na série de acusações proferidas pelo publicitário Marcos Valério – o governador da Bahia, Jaques Wagner, esteve lá e fez questão de ratificar o apoio ao companheiro petista. Apontado como articulador do mensalão pelo Supremo Tribunal Federal (STF), Valério sugere que o ex-presidente tinha conhecimento de todo o esquema e deu aval para a realização dos desvios de recurso para caixa 2 de campanha. Virtual candidato a presidente em 2014, Campos não participou do encontro. Sinal que as relações com o PT estão estremecidas tanto quanto se ventila na imprensa.

Veja também: Wagner e outros sete governadores fazem visita para apoiar ex-presidente Lula

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: