CEOD à americana

Entre os dias 31 de março e 02 de abril estive novamente em Boise, capital de Idaho, para participar do Idaho State Conclave, o Congresso Estadual da Ordem DeMolay nos moldes dos realizados nos 52 Estados norte-americanos. Além do nome ser diferente, as atividades realizadas e a duração são completamente distintos da cultura brasileira para Congressos da Ordem DeMolay. Eles começam o evento às quintas-feiras e terminam oficialmente no sábado, porém ainda há uma parte da programação reservada ao domingo.

O espaço de tempo disponível no evento é utilizado para diversão e para realização de Cerimônias de Iniciação e Elevação, Maioridade para aqueles que atingiram os 21 anos e Instalação dos Oficiais eleitos para o Capítulo Estadual – cada Estado possui uma estrutura que inclui todos os cargos de um Capítulo, porém com membros de todo o Estado. Uma curiosidade sobre esse “Capítulo Estadual” é que ele possui também um Conselho Consultivo ou, ao menos, um Advisor, que equivaleria ao Presidente do Conselho Consultivo no Brasil. Entre as atividades da parte mais “séria” do Conclave, além do cerimonial, os jovens também realizam treino ritualístico e participam de competições de ritual, cujas premiações acontecem no próprio Conclave.

Após o registro dos participantes, os jovens foram brincar de paintball, ainda na quinta-feira à noite. O destaque recebia também uma premiação dentro do evento. Na sexta pela manhã, aconteceria a abertura oficial, com a participação de autoridades de diversas organizações ligadas à Maçonaria – e, diga-se, não são poucas aqui nos EUA. Inclusive com direito a um Maçom com chapéu engraçado, segundo as próprias palavras dele. Era representante do Rito de York, cujo último Grau possui aquela vestimenta. Após a abertura, pública, acontece a Cerimônia de Iniciação do Estado, que no caso de Idaho, a turma recebe o nome do Grão-Mestre da Grande Loja, um agradecimento pelo apoio. Ao olhar na programação, ao invés de Cerimônia de Iniciação, aparece Grand Master’s class, que me deixou um pouco perdido no começo. Sobre a Iniciação, tive a oportunidade de repetir o juramento em português, assim que o State Master Councilor, John Michael Lenker, terminava o parágrafo em inglês. Para lembrar todo o juramento, que há algum tempo não repetia, corri para o Messenger e para o Skype e contei com a ajuda de Omar Rogério e Alan Andrade, que tentaram relembrar as partes comigo. Foi uma emoção diferente, inclusive para os que assistiam. Diversos DeMolays e Advisors – incluindo mulheres – me procuraram para comentar que, não entenderam nada do português, mas que aparentemente tinha ido muito bem. (Não houve o juramento “Batatinha quando nasce”)

À tarde de sexta, fomos a um parque de diversões e todos – inclusive os adultos – se divertiram com kart, golf e outros brinquedos. A cidade que tem pouco mais de 200 mil habitantes possui um parque duas ou três vezes maior do que playcenter dos grandes shopping centers brasileiros e que proporcionou momentos hilários, como ultrapassar todos no kart, três deles duas vezes e receber a notícia de que nunca iria dirigir um carro nos EUA, pois ficaram com medo de como eu dirigia.

A programação da noite inclui outra diferença. Ela vai até a meia-noite e, diferente do Brasil, tudo começa e termina no horário. Até porque, no dia seguinte, o evento começava às 07h da manhã. Há a businnes session, com a eleição dos oficiais juvenis, que obedece a um cerimonial específico e a Elevação, que me deixou com saudades dos diversos JDs que já vi nessa minha jornada. Faltou aquela pitada de brasilidade, com a emoção brotando por todos os lados. Todos os Graus Iniciáticos, incluindo os iniciados pela manhã, recebem o Grau DeMolay, numa cerimônia que foi marcada também pela ausência de discursos – ninguém fala depois. Apenas há o encerramento.

O sábado pela manhã fica reservado para treinamento de lideranças adultas, um programa que é editado pelo DeMolay Internacional e que deve ser cumprido por todos aqueles que desejam fazer parte de Conselhos Consultivos. À tarde, acontece a Instalação dos Oficiais, com um time formado única e exclusivamente por Ex-Mestres Conselheiros Estaduais – e olha que eles tem aos montes. Como deferência a presença de um brasileiro, eles pediram que participassem do cerimonial, como 1º Diácono, o que me fez ser o responsável pela bandeira norte-americana. Alguns patriotas brasileiros diriam que é um erro achar isso, mas acredito que foi uma honra muito grande segurar um dos símbolos magnos dos EUA.

Após o encerramento, houve uma festa na piscina e um baile, em que participam DeMolays e Sweethearts – mesmo com a maioria sendo Filhas de Jó ou Garotas do Arco-Íris, ali elas são Sweethearts, como frisou uma das garotas do Snake River Chapter.

As refeições são um capítulo à parte. O café-da-manhã me fez ter certeza que bacon frito não é muito adequado para estômagos não preparados. Por pouco não foi um dia de rei, mas ele ficou revirando o tempo inteiro. Agora o mais engraçado eram os jograis, Capítulos contra Capítulos. Não entendi muita coisa, pois o inglês incluía algumas gírias de difícil entendimento. Mas, nesse ponto, eles pareciam as Filhas de Jó que conhecia na época de DeMolay ativo, fazendo piada com a própria inocência. Todas as fotos foram publicadas no perfil do Facebook, mas para quem não possui perfil lá, seguem alguns aperitivos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios
Comments
3 Responses to “CEOD à americana”
  1. Danniel Tosta disse:

    Poxa, bateu aquela inveja… hehuehueh
    Não vou mentir que gostei do fato de não ter aqueles discursos enormes ao final de cada cerimônia!

    ah, a foto da corrida de Kart, está de parabéns o fotógrafo, ficou muito massa!!!

  2. Goi disse:

    Sem discurso?….Cara…aki em Texas, nego ia dar xilique, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: