ACM Neto procura técnicos para secretarias de Gestão e Casa Civil

A reserva que acompanhou todo o processo de formação do primeiro escalão da Prefeitura de Salvador se mantém para a escolha dos dois últimos integrantes do secretariado, que deverão ocupar as secretarias da Casa Civil e de Gestão. De acordo com o prefeito ACM Neto (DEM), existem alguns nomes sendo analisados, porém nenhuma definição ainda. A perspectiva é que até o próximo dia 27 os nomes sejam divulgados, com o perfil estritamente técnico. “Esses dois cargos serão ocupados por técnicos. Prefiro não falar nomes ou fazer especulação, pois ainda estamos conversando. No dia 28 faremos um workshop com os secretários e eles participarão do evento, portanto, o anúncio deve acontecer antes”, assegurou o ainda deputado federal ACM Neto – a carta de renúncia, datada de 31 de dezembro, está pronta em Brasília.

Ontem, o site Bahia Notícias trouxe o nome do ex-secretário estadual de Desenvolvimento Urbano, Roberto Moussallem de Andrade, como um dos possíveis titulares da Casa Civil. Moussallem atualmente é gerente do Departamento de Infraestrutura e Energia da Federação da Indústria do Estado de São Paulo (Fiesp) e atuou na Bahia durante a administração de Paulo Souto. Figuras próximas ao prefeito, apesar de confirmarem que o nome do ex-secretário está entre os virtuais integrantes do primeiro escalão, apontam que é possível que ele seja utilizado na Secretaria de Gestão. Muito ligado ao ex-governador, Moussalem seria uma indicação do ex-gestor estadual para compor a equipe de ACM Neto e estaria em clima de despedida na Fiesp.

Souto, inclusive, não foi totalmente descartado de gerir a Casa Civil, de acordo com fontes ligadas ao futuro prefeito. Segundo informações que chegaram à reportagem, o ex-governador voltou a se entusiasmar com a experiência do secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, e poderia reconsiderar a negativa inicial. Ele, porém, frisa que a hipótese de integrar a equipe da prefeitura nunca foi real. “Encerrando o processo de transição, não participo diretamente do secretariado”, assegurou Souto, que conduziu a transição entre as administrações municipais.

“Tivemos alguns pequenos problemas localizados, mas nada que tenha atrapalhado o desenvolvimento das atividades”, avaliou o democrata ao comentar os trabalhos sob sua coordenação. Porém, segundo o próprio prefeito eleito, a partir de sábado ele passa a se dedicar integralmente aos assuntos do Palácio Thomé de Souza, após encerrar as atividades no Congresso Nacional.

*Publicado originalmente na Tribuna da Bahia de 21 de dezembro de 2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: